segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

A História de Five Nights at Freddy's


Existe uma placa com "Regras de Segurança" no East Hall Corner (CAM 4A e 4B) que é trocada aleatoriamente por artigos de jornais. Esses artigos revelam a história do jogo.
As regras de segurança são:
  1. Não corra
  2. Não faça sons altos
  3. Não grite
  4. Não faça cocô no chão
  5. Fique perto da sua mãe
  6. Não encoste no Freddy
  7. Não bata nas coisas
  8. Saia antes de escurecer
A História
A Pizzaria Freddy's Fazbear ja foi um grande restaurante popular para crianças e adultos, contudo, devido ao grande número de acidentes, que incluem o sequestro e assassinato de cinco crianças, denúncias ao departamento de saúde por causa dos animatronics terem um "cheiro de podre" (assim como mucos de sangue escorrendo de seus olhos e suas bocas, e a Mordida de 87 (um incidente onde um dos animatronics mordeu e arrancou um pedaço do rosto de um cliente) que fez a pizzaria falir, a pizzaria fechou no final de 1987, e grandes clientes não queriam se associar á pizzaria de maneira alguma para não mancharem sua reputação.
Os quatro mascotes - Freddy Fazbear, Bonnie o Coelho, Chica a Galinha e Foxy o Pirata - tinham o que aparentava ser mucos de sangue ao redor de suas bocas, o que preocupava os pais que diziam que os animatronics pareciam "cadáveres reanimados".
O cara que te telefona diz na primeira noite que os animatronics nunca tomaram um banho em seus 20 anos de trabalho, o que explicaria o cheiro ruim que eles emanavam. Mas o cheiro foi associado ao assassinato de cinco crianças, que supostamente foram colocadas dentro dos animatronics, e seus corpos em decomposição emanavam um cheiro de podre.
Devido á possibilidade dos animatronics poderem quebrarem por desuso que causaria uma falha em seus equipamentos e os faria parar de funcionar, eles foram colocados em "modo livre" durante a noite. Eles também eram colocados nesse modo durante o dia, mas por causa da Mordida de 87 a pizzaria desativou esse modo.
Na quarta noite o cara que te telefona provavelmente foi morto por um dos animatronics, porque no meio de seu telefonema pode-se ouvir alguns barulhos antes do telefone ser desligado.
Há várias especulações sobre o significado do telefonema da quinta noite do jogo.
A Mordida de 87
A Mordida de 87 foi um incidente que ocorreu no final de 1987 na Pizzaria Freddy's Fuzbear, que é mencionada pelo cara que te telefona no jogo "... eles também podiam andar durante o dia, mas então teve a Mordida de 87" durante o incidente um dos animatronics mordeu violentamente a cabeça de um cliente da pizzaria. Mais detalhes do ataque (incluindo o responsável pela mordida) não são dados, mas alega-se que a mordida arrancou o lobe frontal do cérebro da vítima.
O incidente afetou bastante o restaurante, que causou uma queda nos negócios. Five Nights at Freddy's 2 sugere que o incidente aconteceu depois da Noite 6, quando é pedido á Jeremy Fitzgerald (protagonista de FNAF 2) para tomar mais cuidado com os animatronics.
Como resultado do incidente os animatronics não podiam mais ficar no "modo livre" durante o dia, mas podiam ficar andando durante a noite para impedir que seus equipamentos internos quebrassem.
Não se sabe quem mordeu a pessoa, mas os principais suspeitos são o Foxy por causa de seus dentes afiados e focinho alongado que poderiam facilmente matar alguém, e o Freddy por causa da regra Não toque no Freddy e por que é possível perceber marcas de mão no rosto dele, indicando que alguém bateu no rosto dele por algum motivo.
as marcas estão destacadas em verde
O desaparecimento das cinco crianças
Em algum momento da história da pizzaria, o sequestro e assassinato de cinco crianças aconteceu, inicialmente duas crianças desapareceram em 26 de junho (provavelmente de 1987), mas mais tarde a polícia relacionou esses dois desaparecimentos com outros três que ocorreram no mesmo dia. Um suspeito desconhecido foi perso pelo crime, mas os corpos das crianças nunca foram encontrados. De acordo com a polícia, o suspeito se vestiu como um dos mascotes da pizzaria para ganhas a confiança das crianças e convence-las a ir com ele.
Pais que foram á pizzaria depois do incidente chamaram a polícia por causa do odor e os mucos de sangue que cobriam a boca e os olhos dos animatronics. Algumas pessoas compararam os animatronics com cadáveres reanimados por causa do cheiro de podre e os mucos de sangue.
O jogo não confirma se o homem acusado pelo crime foi ou não o responsável pelos assassinatos, e nem mesmo se as crianças foram colocadas dentro dos animatronics. Como os animatronics podem matar seres humanos sem dificuldades, várias teorias dizem que eles foram os reais culpados pelos assassinatos. Outra teoria diz que um empregado homicida matou as crianças controlando os animatronics, mas os jornais não dizem nada sobre um empregado homicida nem dos animatronics. O criador do jogo Scott ja falou sobre coisas paranormais na pizzaria, o que indica que os fantasmas das cinco crianças possuíram os animatronics, usando-os para realizar coisas macabras (existem quatro animatronics normais no jogo, mas tem um quinto escondido que é o Golden Freddy, que é uma versão amarela e aparentemente desativada do Freddy normal).
Uma variação de duas teorias diz que o jogo se passa apenas algumas noites depois dos assassinatos, e as crianças estão tentando se vingar porque as únicas coisas que elas lembram é que o assassino foi um guarda noturno.
Five Nights at Freddy's 2 fortalece a teoria de que um ex guarda noturno matou as crianças pois na quinta noite ele diz que "durante a noite ninguém é autorizado a entrar ou sair... principalmente nenhum ex-funcionário."